REVISÃO DO TEXTO
09/10/2017
JÁ FUI ESCRITORA QUE TRAVAVA EM TODO CAPÍTULO 5
19/10/2017

COMO PUBLICAR SUA HISTÓRIA

Bem-vindos, leitores!

Agora, chegamos aos finalmentes! Ao que todo mundo quer saber! XD

SIM, é super possível publicar sua história (na verdade, com tantas gráficas e editoras pequenas por aí, publicar é o menor dos problemas).

Vou resumir os três tipos mais comuns de publicação possíveis:

 

– POR GRÁFICAS. Ou seja, você faz absolutamente tudo, desde o cadastro da obra na Biblioteca Nacional (caso você queira. E não é complicado, tem todas as orientações online) até a revisão final. Seu arquivo tem que ir lindinho e prontinho para eles, com capa e tudo. Eles imprimem seu livro. CLARO. TEM QUE PAGAR E DÓI NO BOLSO.

 

– POR EDITORAS PEQUENAS. Eles avaliam seu texto (por isso é bom que ele esteja revisado e lindo) e, caso considerem adequado em qualidade, gênero, etc, eles publicam. Eles realizam revisão de texto, comumente criarão a capa (com sua opinião, mas o artista é deles) e cuidarão da diagramação. Pode haver distribuição em livrarias OU NÃO. Isso depende da editora. Editoras pequenas COBRAM SIM. VOCÊ TEM QUE PAGAR (o valor e a forma de contrato é variável conforme a editora, mas de qualquer forma:). DÓI NO BOLSO.

 

– POR EDITORAS GRANDES. Esse daqui é o sonho de todo escritor. XD A avaliação das editoras grandes é muito mais rigorosa (em quesitos de qualidade da obra e, também, ALCANCE DO ESCRITOR. Você já tem um público?)… mas, em troca, eles custeiam sua obra. Há distribuição em livrarias e divulgação da obra por parte da editora. ESSE DAQUI É O ÚNICO QUE NÃO DÓI NO BOLSO.

Bom, avaliando os três tipos, é fácil perceber que onde temos de chegar é na publicação da editora grande. O grande quê é COMO.

Abaixo descreverei dois possíveis caminhos (deduzidos a partir do relato de escritores mais experientes, claro, pois eu mesma não cheguei lá ainda XD):

 

– SOFRER E SOFRER E TENTAR E TENTAR INCESSANTEMENTE enviar suas obras para editoras grandes até que uma delas seja aceita. Ajuda se você tiver já um público (uma fan page com 50.000 seguidores, sei lá).

 

– Ou então sangrar o bolso e começar por editoras pequenas para fazer seu público (para que eles já tenham acesso a trabalhos seus durante o processo) e, uma vez que tiver sua fan page com 50.000 seguidores, tentar as editoras grandes com textos mais experientes e alma calejada XD

Sim, os dois caminhos são sofridos. O que óbvio, pois se você quer ser escritor profissionalmente, isso quer dizer que é uma PROFISSÃO. Um trabalho. Nenhum trabalho é fácil. Se ser escritor profissional fosse fácil, todos os cidadãos do planeta seriam.

 

Portanto, se quer ver sua obra PUBLICADA E COMPRADA, PARE DE SER DRAMÁTICO E MEXA-SE!

 

Já vou desmistificar e dar esse tapa na cara: é difícil sim. É como querer ser o presidente de uma grande empresa (porque você quer um salário bom, não é?). Se é uma profissão, estamos falando de dinheiro. Nada que envolva dinheiro é fácil. (Obs: se você quer publicar somente para ficar no seu coração e dizer que já publicou, não precisa passar por essa parte espartana. Peça para uma gráfica imprimir e pronto XD Também é importante saber o que está querendo, claro).


Com isso em mente, já digo que QUEM DIVULGA SEU LIVRO É VOCÊ.
Independente se há alguma espécie de divulgação da editora, quem tem de dar sangue, suor e lágrimas para divulgar esse trabalho é o autor. Não vai cair um raio do céu e te deixar famoso de repente. Há milhares e milhares de livros no planeta. Você é só mais um grão de areia.

 

Então novamente DEIXE DE SER DRAMÁTICO E MEXA-SE! DIVULGUE! Não estão distribuindo seu livro nas livrarias? Então mexa-se, agarre telefone, e-mail, twitter, Google + e o que mais você quiser e CONTATE AS LIVRARIAS! Explique sua situação e veja se podem deixar exemplares no estabelecimento deles!

 

Contate blogueiros que fazem resenhas! Contate muitos amigos e conhecidos!



Se você realmente gostar do seu trabalho, esse processo vai ser divertido, não se preocupe (vai ser MUITO cansativo, mas não deixa de ser legal). Imagine-se entrando num lugar e dizendo: “Bom dia. Eu sou o escritor do livro (…)”.

 

Querer ser um escritor profissional é abraçar todo esse processo (um dia, se você se tornar um mega-escritor-bestseller, daí você poderá deixar a divulgação por conta de seus fãs, mas até lá…). E não deixar de escrever. ^^

Analise o que você quer (você quer esse caminho como seu trabalho? Ou quer fazer como um hobby, sem retorno financeiro?). Não existe certo ou errado em tipos de publicação. O importante é estar CONDIZENDO COM O QUE VOCÊ QUER.

 

Não coloque a culpa em editoras (nem eles, nem você são trabalho voluntário). Não coloque a culpa nos outros.
Não espere apoio (se você tiver, lindo! Fique feliz e ame-os do fundo do coração SEMPRE. Mas não seja dependente disso. Não os faça sua gasolina. É você que tem de suar, não eles).
SIM, eu conheço autores nacionais bem-sucedidos (deixe de ser chorão).

 

Em suma, se quer que algo aconteça, É VOCÊ QUE TEM DE SE MEXER (isso é meio óbvio; vale para a VIDA, não só para escritores. Mas parece que tem um misticismo esquisito que diz “escrevi um livro. Mereço sucesso” ¬¬” Isso não existe, gente).

 

MEXA-SE! MEXA-SE!
Quer só publicar na internet? Beleza, então publique!
Quer lançar e-books? Ótimo! Lance!
Quer publicar livros físicos? Corra atrás!

 

Precisa de orientação? Um Norte?
Então tá. Me contate. @_@ Deixe comentários, mande e-mails pelo contato daqui do site. Tenho twitter, facebook, instagram, etc etc.
Ajudarei dentro do possível com orientações que recebi de escritores mais experientes.

 

Enfim. Quer fazer algo?
FAÇA!!!!!!!! XD O QUE ESTÁ FAZENDO AQUI AINDA?!!! CORRA!!!

 

Adoro vocês. E EU APOIO VOCÊS. <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *