COMO PUBLICAR SUA HISTÓRIA
16/10/2017
UMA HISTÓRIA POR VEZ x VÁRIAS HISTÓRIAS POR VEZ
23/10/2017

JÁ FUI ESCRITORA QUE TRAVAVA EM TODO CAPÍTULO 5

Bem-vindos, leitores!
Hoje estou aqui para contar uma história e mostrar que eu não nasci escrevendo todo dia e terminando várias histórias a toda hora! XD (Se alguém se identificar com o meu eu-passado, saibam que vocês são capazes de escrever todo dia e de terminar várias histórias! Kkk).

 

Quando eu era criança (com uns 9 anos), comecei a escrever histórias de ficção em cadernos! A maior parte parou inacabada (poh, era escrito à mão. O andamento é tão devagar… deem um desconto XD) e alguns raros tiveram finais (interessante que, nesta época de escrita à mão, em que cada palavra era sofrida, as histórias eram mais curtas e objetivas XD ahuahuahauha).

 

Quando eu tinha uns 12 anos (bem naquela era dourada de lan house), chegou um computador em casa! E tinha word (e wordpad @_@ quem é que usa isso?) nele!

 

Comecei a digitar histórias! Meu deus, como digitar é bom! XD O texto flui incrivelmente quando você consegue pensar e escrever quase na mesma velocidade!

 

Depois de descobrir a internet discada, comecei a ler e escrever fanfics! Uhuuull! Escrevia várias short-fics (histórias curtas e de capítulo único) e alguns mais longos (oneshots).

 

Apesar de algumas das histórias serem mais extensas (digamos que conta o equivalente a um filme de 2 horas), ainda não eram de “extensão de seriado” (que aborda várias sub-quests enquanto correm na direção da main-quest, digamos assim).

 

Depois que comecei a escrever histórias um pouquiiiinho mais longas, comecei a perceber um fenômeno. (Isso vários anos depois de começar a escrever fanfics; eu já tinha uns 18 anos).

 

AS HISTÓRIAS ESTAVAM TODAS INACABADAS. Sejam elas fanfics ou originais.

Quando constatei isso, estava na produção de uma história. E aí comecei JURANDO QUE IA TERMINÁ-LO.

 

Ele foi extenso e teve uns 26 capítulos monstruosos, MAS TERMINEI. (Até aí eu já estava com 19 anos).

 

E, nessa época, queria começar a escrever uma história para publicar (o COMA-outbreak, gente! Tá vendo?! Deu para publicar!!! XD)…

 

MAS ANTES DE COMEÇAR O COMA-OUTBREAK, INICIEI UMA PEREGRINAÇÃO:
Fui pegando história por história incompletas e TERMINANDO-AS uma a uma. Para eu sofrer um pouco e aprender a sempre terminar minhas histórias.

Não eram poucas as histórias sem fim XDDD. E, ainda, durante a peregrinação, percebi um estranho fenômeno em que praticamente todas as histórias travavam no CAPÍTULO 5.

Sei lá por quê. Mas sabe como é. Começar é sempre mais divertido do que sustentar o meio. @_@

Escrevi. Escrevi muito (mas numa taxa bem menor do que escrevo hoje XD)…

E, um dia, quando eu já estava com 20 anos (quase caindo nos 21, se não me engano), COMECEI A ESCREVER O COMA-OUTBREAK!!!!!

Terminei o COMA! E então escrevi outro título!
Terminei o título!
Escrevi a segunda parte do COMA! Terminei!
Escrevi a terceira parte do COMA! Terminei!
E agora estou escrevendo o spin-off do COMA! Estou quase terminando!!!

SIIIIIIIM, é possível, gente! XD É só concentrar na história e não deixar ele de lado! (A técnica de escrever todo dia serve para isso também. Para você ver que sua namorada (o) atual é esse título aí. E que tem de dar atenção a ele).

ESCREVAM! TERMINEM A HISTÓRIA! (Seja você um escritor de originais ou de fanfics!)
A sensação é boa. XD kkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *